Merck Sharp & Dohme - Portugal
MSD Portugal Publicacoes MSD
Pesquisa
IntroduçãoAjuda


Imprimir Enviar Artigo

Sensação de «nó»


A sensação de «nó» (anteriormente chamada bola histérica) é a sensação de ter um obstáculo na garganta quando na realidade ele não existe.

A sensação pode ser consequência duma sensibilidade ou duma actividade muscular anormal do esófago. Também pode ocorrer se se deglutir com demasiada frequência e com a secura da garganta provocada pela ansiedade, por outras emoções fortes ou pela respiração rápida.

A sensação de «nó» pode fazer com que a pessoa não queira comer. Mas esta perturbação (que é semelhante à sensação normal de falta de ar que por vezes se desencadeia por apreensão, ansiedade, raiva, orgulho ou felicidade) muitas vezes é aliviada comendo, bebendo ou chorando.

Diagnóstico e tratamento

Para identificar a causa desta sensação, o médico baseia-se em perguntas e num exame físico. Pode pedir uma contagem completa de células sanguíneas, uma radiografia ao tórax, uma radiografia com bário ao esófago (um trajecto de bário) e medições da pressão no esófago. (Ver secção 9, capítulo 100) Estabelece-se o diagnóstico de sensação de «nó» se os sintomas forem típicos, se não se encontrar nenhuma anomalia física e se houver um stress social ou psicológico evidente.

A tranquilidade, no sentido de que não existe nenhum problema orgânico grave, pode proporcionar alívio. Não existem medicamentos específicos que melhorem a sensação de «nó», mas os fármacos ansiolíticos ou antidepressivos podem ajudar. Se o problema for a ansiedade, a depressão ou algum estado do tipo psicossocial, deve ser tratado dum modo específico, possivelmente com a ajuda dum psiquiatra ou dum psicólogo.



Política de Privacidade Termos de Utilizaçao Direitos Reservados © 2006 MERCK SHARP & DOHME PORTUGAL Merck & CO., (USA)