Merck Sharp & Dohme - Portugal
MSD Portugal Publicacoes MSD
Pesquisa
IntroduçãoAjuda


Imprimir Enviar Artigo

Intoxicação alimentar por Clostridium perfringens


Este tipo de gastrenterite é provocado pela ingestão de alimentos contaminados por uma toxina produzida pela bactéria Clostridium perfringens. Algumas variedades provocam uma doença, entre ligeira e moderada, que melhora sem tratamento. Outras, no entanto, provocam um tipo de gastrenterite grave e muitas vezes mortal. Algumas toxinas não são destruídas pela cocção, enquanto outras o são. Geralmente, a carne contaminada é a responsável pelos surtos de contaminação alimentar por Clostridium perfringens.

Sintomas, diagnóstico e tratamento

A gastrenterite é normalmente ligeira, embora possa desenvolver-se um quadro grave com dor abdominal, distensão pelos gases, diarreia intensa, desidratação e choque.

O médico normalmente suspeita do diagnóstico quando houve um surto local da doença. O diagnóstico confirma-se analisando os alimentos contaminados em busca de Clostridium perfringens.

À pessoa afectada são administrados líquidos e aconselha-se repouso. Em casos graves, a penicilina pode ser útil. Se a doença destruir parte do intestino delgado, pode ser necessário intervir cirurgicamente para extirpar essa parte.



Política de Privacidade Termos de Utilizaçao Direitos Reservados © 2006 MERCK SHARP & DOHME PORTUGAL Merck & CO., (USA)