Merck Sharp & Dohme - Portugal
MSD Portugal Publicacoes MSD
Pesquisa
IntroduçãoAjuda


Imprimir Enviar Artigo

Extra-sístoles ventriculares


Uma extra-sístole ventricular (contracção ventricular prematura) é um batimento cardíaco provocado pela activação eléctrica dos ventrículos antes do batimento cardíaco normal.

Este tipo de arritmia é frequente e não indica qualquer perigo quando não existe uma cardiopatia associada. No entanto, quando se manifestam com frequência numa pessoa que sofre de insuficiência cardíaca, estenose aórtica ou que tenha tido um enfarte, podem representar o início de arritmias mais perigosas, como uma fibrilhação ventricular e causar morte súbita.

Extra-sístoles ventriculares benignas

Sintomas e diagnóstico

As extra-sístoles ventriculares isoladas têm um escasso efeito sobre a acção do bombeamento do coração e, geralmente, não produzem sintomas, a não ser que sejam demasiado frequentes. O sintoma principal é a percepção de um batimento forte ou fora do lugar.

As extra-sístoles ventriculares diagnosticam-se com um electrocardiograma (ECG).

Tratamento

Em princípio, o único tratamento é a diminuição das causas de stress e abster-se do consumo de álcool e de preparados para a constipação de venda livre que contenham princípios activos que estimulem o coração. Geralmente, só se prescreve um tratamento farmacológico se os sintomas forem intoleráveis ou quando o traçado do ritmo cardíaco sugira algum perigo. Dada a sua relativa segurança, os betabloqueadores são a primeira opção. No entanto, muitos doentes não querem tomá-los devido à sensação de fadiga que podem causar.

Depois de um enfarte e se as extra-sístoles ventriculares forem frequentes, pode reduzir-se o risco de morte súbita tomando betabloqueadores e submetendo-se a uma cirurgia de derivação coronária (bypass) (Ver secção 3, capítulo 27) para aliviar a obstrução subjacente. Os fármacos antiarrítmicos suprimem as extra-sístoles ventriculares, mas podem também aumentar o risco de uma arritmia mortal. Em consequência, devem ser utilizados com precaução em doentes seleccionados depois de terem efectuado estudos cardíacos sofisticados e a correspondente avaliação dos riscos.



Política de Privacidade Termos de Utilizaçao Direitos Reservados © 2006 MERCK SHARP & DOHME PORTUGAL Merck & CO., (USA)